Artigos, Leitores

Palavras de uma veterinária

Caros leitores futuros veterinários. Estou aqui escrevendo não somente para incentivar os futuros acadêmicos dessa maravilhosa profissão, mas também os que já estão caminhando para a merecida e emocionante hora do “outorgo-lhe o grau de médico veterinário”.
Estou formada já faz um ano pela PUCPR. Durante meu curso, senti na pele que o amor pelos animais não é o suficiente para nos tornarmos verdadeiros médicos veterinários. É necessário entende-los. E não tiro a importância de termos um pouco de sangue frio.

Isso sem contar que precisamos de paciência. Estudar todas as espécies e suas particularidades não é mole. Anatomia, Imunologia, Bioquímica, Patologia e Clínica Médica e Cirúrgica. A caminhada é longa e cheia de obstáculos.
Provas, trabalhos, aulas práticas, estágios e plantões. Cansa. Mas não há sensação melhor nesse mundo de conseguir, a cada semestre, nossos objetivos, e assim aprender, e aperfeiçoar. Se eu tivesse a oportunidade de fazer novamente o curso todo da veterinária, com certeza eu faria.
Vi muitos desistirem. Vi muitos indecisos. E vi a maioria não fazendo a menor idéia de qual área deveriam seguir. Eu mesma me encaixo nesse perfil. Decidi optar pela inspeção de produtos de origem animal no último ano de curso, onde percebi a importância da nossa profissão na saúde pública, e também o reconhecimento e a falta de pessoas interessadas nessa área. Até pelo fato de que é uma carreira que, apesar de promissora, muito difícil.  E eu gosto de desafios! Não fiz exatas pois odeio matemática. Não fiz direito pois não gosto de leis. E não é que hoje, uso a matemática diariamente para estudos de viabilidade, e meu emprego depende de estar sempre atualizada quanto os aspectos legais vigentes.

Os veterinários de hoje em dia precisam ser multidisciplinares. Entender de processos, de pessoas e de gestão. Esse é o diferencial. Não desistam, e lembrem-se de que SEMPRE podemos fazer melhor!

Bettina Bastos Michalak – Médica Veterinária
Além de ser leitora assídua do Vet da Deprê, Bettina é Médica Veterinária formada pela PUCPR há 1 ano. Hoje trabalha em Santa Catarina como Gerente Técnica do Departamento de Inspeção Estadual – DIE. 
Previous ArticleNext Article
Luiz Guilherme Corsi
Criou o Vet da Deprê em 2011, quando ainda estava na faculdade. Hoje é Mestrando em Ciência Animal pela Universidade Estadual de Londrina. Gosta muito de marketing digital, é cachorreiro nato e não dispensa um bom livro. Instagram: @lgcorsi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *